MENU

Certificação GlobalGAP expande ainda mais mercados da Veracruz

9 de maio de 2022

Com o processo de certificação GlobalGAP concluído, a Veracruz dá mais um importante passo para a sua expansão nos mercados externos. O objetivo da empresa, que tem em curso um investimento que ascende aos 50 milhões de euros, é atingir níveis de exportação na ordem dos 80%, com uma aposta forte nos mercados inglês, alemão, francês e italiano.

“Esta certificação é muito importante para nós, na medida em que demonstra segurança alimentar e a sustentabilidade da nossa produção e abrange todo o percurso produtivo da amêndoa, desde o campo até à prateleira”, sublinha David Carvalho, CEO e fundador da Veracruz.

Os produtores agrícolas necessitam deste selo de excelência para comercializar para o retalho e para a grande distribuição, mas também para exportar, na medida em que responde às exigências dos principais retalhistas mundiais.

Na prática, a certificação GlobalGAP significa, por um lado, que o produto é seguro para ser consumido e, por outro, que o produto foi produzido obedecendo a determinados critérios, como, por exemplo, higiene e segurança alimentar, redução do impacto no meio ambiente, eficiência energética, gestão de água e de resíduos, utilização de fertilizantes ou segurança e bem-estar dos trabalhadores.

“Quando um consumidor consome as amêndoas produzidas pela Veracruz, tem a garantia de que são totalmente seguras e que a forma como foram produzidas, obedece aos mais altos padrões de segurança alimentar. Da mesma forma, quando um distribuidor ou retalhista é fornecido pela Veracruz, com amêndoa certificada GlobalGAP, sabe que esta certificação lhe dá garantias de estar a rececionar um produto seguro”, explica-nos Liliana Perestrelo, diretora executiva da Naturalfa, a empresa de certificação que acompanhou o processo da Veracruz.